I.B.B.I.E – Instituto Brasileiro pela Busca de Inteliência Extraterrestre

I.B.B.I.E – Instituto Brasileiro pela Busca de Inteligência Artificial.
Complexo Eólico de Osório
Osório – RS

A proposta consiste na criação do Instituto Brasileiro pela Busca por Inteligência Extraterrestre (I.B.B.I.E), na forma de
uma sede e equipamento, objeto central do projeto, telescópio de rádio e laboratório. O instituto seria incluido na pasta
do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, sob o comando direto em parceria da Agência Espacial Brasileira e Laboratório Nacional de Astronomia. A organização seguiria os moldes de tanto o SETI (programa de
busca por inteligência extraterrestre americano) e NAOC (correspondente chinês), além de estabelecer uma ligação
profissional com ambos.
Parte também da proposta examinar e propor uma edificação que, normalmente, não “possui arquitetura”. Pela natureza extremamente específica das funções de um telescópio, raramente se vê um esforço de vê-lo como uma edificação,
como uma expressão arquitetônica e quase sempre estes objetos são tratados exclusivamente como equipamentos,
reproduzidos de maneira programática e funcional. Pensar arquitetura em edificações nas quais não se leva a arquitetura como princípio.
O trabalho, levando em consideração todos os aspectos técnicos necessários para tal edificação, desenvolve um
estudo sobre um “filo” arquitetônico específico: Arquitetura de isolamento. Isto é, edificações em locais geograficamente afastados, que em meio ao ambiente orgânico não buscam relação direta com seu entorno – mais específicamente
procuram “elevar-se” do contexto que habitam. A arquitetura platônica se desenvolve na explicitude de sua clara determinação do que é forma, do que é de fato arquitetura e do que a cerca. Edificações com este caráter apresentam
transições entre interno e externo que marcam seu isolamento e afastamento do natural. Ao contrário de edificações
e objetos no meio urbano que idealmente buscam criar uma linha de unidade, de um todo do qual fazem parte, formas
platônicas se focam justamente no desencaixe, no contraste claro e inequívoco. Partindo dos conceitos abordados, a
localização da proposta é de extrema importância não só na sua situação como na sua macroposição. A parte mais
extrema das Américas possui uma larga concentração de telescópios e telescópios de rádio por ser uma zona favorável para observações em relação ao outro hemisfério e a zona equatorial. Ainda se leva em consideração a localização
de uma série de instituições públicas e privadas que seriam beneficiadas da utilização de um aparelho como o proposto. O projeto propõe um ponto dentro de um circuito de telescópios de rádio internacional e a inserção da proposta
dentro desse eixo internacional como vértice entre Chile, Argentina e Brasil. O estado do Rio Grande do Sul funcionaria como ponte entre os equipamentos brasileiros demonstrados e o resto de equipamentos na América Latina.
Em síntese a edificação projetada procura explorar um programa incomum, a partir de um tema relevante no cenário
científico contemporâneo, através de uma arquitetura que une os aspectos filosóficos do seu uso utilizando as
direções restritivas funcionais necessárias como elementos para a forma.

Deixe seu comentário


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/premioiabrs/www/wp-includes/functions.php on line 3783

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/premioiabrs/www/wp-includes/functions.php on line 3783