AcquaCris: Complexo de Lazer e Ecoturismo para a Região Noroeste do RS

A sustentabilidade, conforme conceito proposto no relatório de Brundtland em 1987, engloba atividades e ações que buscam suprir as necessidades humanas atuais sem afetar as gerações futuras. Dessa forma, o presente projeto busca contemplar a sustentabilidade em suas três dimensões: ambiental, social e econômica. Neste contexto, considerando a manutenção do equilíbrio ecológico e o uso racional dos recursos naturais, algumas estratégias empregadas são a promoção da educação ambiental, o uso de fonte de energia renovável através da captação de radiação solar, utilização de meios de transportes não poluentes, reflorestamento e preservação da mata ciliar, aproveitamento da água pluvial, entre outros. Quanto ao desenvolvimento econômico, com a finalidade de melhorar a qualidade de vida das pessoas e o crescimento do município, verifica-se a geração de empregos e de renda. Já em relação ao aspecto social, visando o desenvolvimento sustentável do munícipio e da região, visa-se proporcionar espaços de lazer e turismo enfatizando, assim, a importância da preservação ambiental.
Diante disso, este projeto consiste em um complexo de lazer e ecoturismo para a fronteira noroeste do Rio Grande do Sul (RS), abrangendo parque aquático, estrutura para hospedagem e atividades para todas as estações do ano. Devido às altas temperaturas no período de verão e pela proximidade com o Rio Uruguai, observa-se uma cultura de lazer associada à água. Assim sendo, a proposta buscou reunir diversas atividades de lazer relacionadas aos atrativos naturais da região.

Por sua vez, a área de intervenção localiza-se na zona rural de Porto Vera Cruz, município com notáveis recursos referentes a paisagem natural e que podem ser explorados pelo turismo. Associado ao potencial para o desenvolvimento de atividades turísticas, destaca-se a demanda local e das cidades vizinhas em relação aos espaços de lazer, visto que a pouca oferta de locais de recreação induz os moradores a se deslocarem para outros lugares.

A área de intervenção é circundada pela RS-575, que dá acesso à cidade, e por uma rua de chão batido. Nos fundos, a área é delimitada por um riacho. Também apresenta um açude e pequenos cursos d’água. Nesse contexto, as áreas de preservação permanente (APP) fragmentam o terreno, o que definiu as zonas edificáveis e se tornou um condicionante para o lançamento do projeto. Dessa forma, a parte frontal do terreno foi destinada aos setores administrativo, comercial e gastronômico, enquanto que voltado para a estrada vicinal, encontra-se o setor de hospedagem. Já o setor de lazer localiza-se na parte posterior do lote e anexo às APPs, está o setor de ecoturismo.

Portanto, o AcquaCris: Complexo de Lazer e Ecoturismo foi projetado considerando as demandas, potencialidades e particularidades da região noroeste e do município em questão, como, também, busca proporcionar à população local e regional, espaços para a realização de atividades de ecoturismo e lazer, contribuindo para a qualidade de vida dos usuários.

Deixe seu comentário


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/premioiabrs/www/wp-includes/functions.php on line 3778

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/premioiabrs/www/wp-includes/functions.php on line 3778